Templo Judaico de Macedo.

sábado, 18 de setembro de 2010


Bem, eu achei que o ano de 2010 se encerraria sem mais nenhuma notícia bombástica no meio gospel, até que ele, sempre ele, o auto-intitulado "maior evangelista do século", Edir Macedo, reaparece das cinzas para divulgar mais um de seus mimos: A CONSTRUÇÃO DE UMA RÉPLICA DO TEMPLO DE SALOMÃO! Com base nas orientações bíblicas, a Igreja Universal do Reino de Deus construirá a réplica do Templo de Salomão, aqui no Brasil, na cidade de São Paulo. Será uma mega igreja, com 126 metros de comprimento e 104 metros de largura, dimensões que superam as de um campo de futebol oficial e as do maior templo da Igreja Católica da cidade de São Paulo, a Catedral da Sé. São mais de 70 mil metros quadrados de área construída num quarteirão inteiro de 28 mil metros. A altura de 55 metros corresponde a de um prédio de 18 andares, quase duas vezes a altura da estátua do Cristo Redentor, a previsão de entrega é para daqui a 4 anos. O complexo também contará com 36 escolas bíblicas com capacidade para comportar aproximadamente 1,3 mil crianças, estúdios de TV e rádio, um auditório para 500 pessoas, além de um estacionamento para mais de mil carros. De acordo com o arquiteto e autor do projeto, Rogério Silva de Araújo, o empreendimento é arrojado e emprega tecnologia de ponta, para que quando as pessoas entrem no local, viajem pelo tempo e sintam-se como se estivessem no primeiro templo construído por Salomão. Ainda dentro da igreja, uma arca representando a Arca da Aliança será colocada sobre o altar com o objetivo de proporcionar um efeito tridimensional, que, quando aberta, poderá ser observada totalmente em seu interior e também refletirá no batistério, criando a sensação, durante o batismo, de que a pessoa estará se batizando dentro da Arca. Na face frontal do altar serão aplicadas doze pedras representando as doze tribos de Israel, e todo o altar será ladeado por duas colunas diferenciadas chamadas Joaquim e Boaz, nomes também citados na Bíblia. A Igreja será no Brás (zona leste da capital paulista) e terá capacidade para mais de 10 mil pessoas sentadas.

A comunidade judaica critica duramente a construção, e o jornal The New York Times diz que São Paulo será a piada gospel mundial. Autoridades de Israel, em especial o Instituto de Estudos do templo de Jerusalem, uma organização religiosa e educacional sem fins lucrativos, classificam o projeto da seita Universal de "piada de mau gosto" e um projeto para a "honra própria". Nos jornais de Israel e internacionais a obra já é motivo de gozação e chacota. A ausência de compreensão da maioria acerca da IURD e das igrejas evangélicas brasileiras mancha a todos com esta vergonha. O Instituto do Templo em Jerusalém vê isso como “um ato de arrogância voltado para sua própria glória. Esse plano é uma gozação que vai diretamente contra tudo aquilo que o Templo Santo de Jerusalém representa.”
 
Os artigos do NYT e Guardian mencionam quase todas as porqueiras destes meliantes da IURD, incluindo: os escândalos financeiros da “empreja”, suas práticas medievais de exorcismo, a esquadrilha de aviões da igreja, a teologia da prosperidade, além de outras vergonhas que tão bem conhecemos.

Enquanto pessoas morrem de fome, doenças e sem ouvir a pregação do Evangelho, a IURD resolve gastar milhões de reais (ou dólares) desviados de ofertas e dízimos na construção de um egocêntrico Templo.
Esse investimento me despertou para duas dúvidas: os outros mega-empresários eclesiásticos também vão querer fazer algo grandioso? e: Será que tal empreendimento do Macedo despertará inveja nos seus discípulos Soares e Santiago? Essas questões só o tempo poderá responder!

E assim caminha a igreja brasileira, com passos de ganância e sem espiritualidade!

Diego Rodrigo Souza
Creio No Amanhã

0 comentários :

Postar um comentário