Unção do GRITOOOO! Será que Deus é surdo???

quarta-feira, 18 de setembro de 2013


Parece que está virando epidemia, hoje 80% das igrejas evangélicas estão aderindo a ideia do GRITE PARA DEUS TE OUVIR! Pastores alucinados e membros ainda mais alucinados não sabem fazer outra coisa se não gritar, gritar e GRITAAAAARRRR!

Há algum tempo atrás eu estava na sala de aula de minha escola, quando, subitamente, um som externo começou a ecoar por toda a sala e, talvez, por todo o colégio. Minha professora, que também é evangélica, perguntou para a turma o que era aquele som e de onde ele vinha. A resposta veio quase que imediatamente: é uma igreja! Eu na mesma hora rebati dizendo: Isso é qualquer coisa, menos uma igreja.

E de fato era qualquer coisa mesmo, pois uma igreja que se diz cristã segue os princípios bíblicos de que o culto deve ser feito de maneira racional (Rm 12:1), com ordem e decência (I Co 14: 40) e que não devemos escandalizar (Mt 18:7). Os adeptos da gritaria dizem que devemos dar liberdade ao Espírito Santo, e que não podemos limitar a ação divina em nós, ou outras coisas do tipo... Há alguns anos atrás teve uma vigília (das 22:00 as 06:00hrs) em frente a minha casa. Até aí tudo bem, vigílias geralmente são muito boas, mas não quando o preletor de tal vigília era um pastor alucinado (também conhecido como pentecostal, fogo puro, etc.) que além de gritar absurdamente alto ainda usava um microfone! Isso mesmo, gritava alto, com microfone mais alto ainda, e de madrugada! Minha casa é a última no terreno com 3 casas, a moradora da primeira casa não é evangélica, e com certeza deve ter xingado muito os "crentes" daquela vigília.

Diante dessas situações, cada vez piores, fico me perguntando se eles não sabem que essas atitudes só contribuem para o endurecimento do coração dos ímpios, pois ninguém que tenha um mínimo de inteligência vai querer entrar numa igreja que parece uma mistura de centro de candomblé com hospício.

Deus é surdo? A Bíblia diz que quando vamos orar, não precisamos gritar, mas "quando orares, entra no teu aposento e, fechando a tua porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente." (Mt 6:6).

Mas, mesmo com esse versículo, muitos ainda dirão que na igreja é diferente, pois lá o Espírito Santo age coletivamente, e a forma Dele agir é assim mesmo, com barulho. Só que a Bíblia não diz isso, pois no Dia de Pentecostes, quando o Espírito Santo foi derramado, a Bíblia diz que "todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem." (At 2:4) Reparem que a Palavra afirma que eles (mesmo naquele batismo no poder de Deus, movidos pelo Espírito Santo) estavam falando e não gritando. Mais a frente diz: "E todos pasmavam e se maravilhavam, dizendo uns aos outros: Pois quê! não são galileus todos esses homens que estão falando? (At 2:7) Assim como nesse maravilhoso dia da descida do Espírito Santo, todas as outras citações de batismos no Espírito Santo relatadas na Bíblia não relatam esses alvoroços e gritarias que vemos hoje, pelo contrário, se essas gritarias ocorressem nos dias de Jesus, seriam atribuídas a espíritos malignos e enganadores: "Pois que os espíritos imundos saíam de muitos que os tinham, clamando em alta voz" (At 8:7a).

Lógico que sentimos vontade de louvar ao Senhor com toda nossa força, com todo nosso ser, mas isso não significa gritar como malucos! Deus não é surdo! Não acredite quando dizem que se orarmos em pensamento ou em voz baixa a oração não passa do teto... Nossas orações não precisam passar do teto mesmo, pois o Espírito Santo, que nos ensina a orar, está conosco, então mesmo que nossas orações e nossos louvores não passem do teto, existe Um do nosso lado que levará nossas súplicas a Deus.

Se cultos com gritarias fossem Bíblicos, o jovem Êutico não teria morrido: E, estando um certo jovem, por nome Êutico, assentado numa janela, caiu do terceiro andar, tomado de um sono profundo que lhe sobreveio durante o extenso discurso de Paulo; e foi levantado morto. (Atos 20:9).

Como já bem disse o grande William Shakespeare: Os vasos vazios são os que fazem mais barulho.

Diego Rodrigo Souza
Creio No Amanhã

2 comentários :

Postar um comentário