A Armadura de Deus

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Em I Cronicas 12:1-8, lemos a respeito dos amigos de Davi, focando que todos tinham o conhecimento dos armamentos de guerra ao ponto de usarem as duas mãos, eram ágeis e sabiam usar praticamente todos os instrumentos utilizados nas guerras daquela época:

Estes, porém, são os que vieram a Davi, a Ziclague, estando ele ainda escondido, por causa de Saul, filho de Quis; e eram dos valentes que o ajudaram na guerra.
Estavam armados de arco, e usavam tanto da mão direita como da esquerda em atirar pedras e em atirar flechas com o arco; eram dos irmãos de Saul, benjamitas.
1 Crônicas 12:1,2.

Já em Efésios, lemos: "Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes.Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça; E calçados os pés na preparação do evangelho da paz; Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno. Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus; Efésios 6:13-17.

Associando esses dois textos, entendemos o quanto é importante sabermos usar tanto os instrumentos de ataque quanto os de defesa (na área espiritual). Devemos saber manejar bem a espada da verdade (que é a Palavra), e estarmos firmes para que o nosso escudo (a fé) nos proteja. Ainda sobre a espada, a Palavra, o Pr. Adilson Monedeiro certa vez disse que precisamos saber usá-la, pois se não soubermos, podemos nos ferir com ela, da mesma forma que uma espada comum. Se uma pessoa não souber usar, pode se ferir.


A Palavra pode nos ferir quando não temos o hábito de ler e é preciso falar alguma coisa, muitas vezes acabamos falando algo errado por falta de preparo correto, ou ainda podem usá-la contra nós mesmos.

Então, além de saber manusear bem os instrumentos de ataque, também é preciso se revestir da defesa espiritual, estando preparados para as batalhas.

Marcela Cardoso
Creio No Amanhã

0 comentários :

Postar um comentário